Era melhor ter ido ver o Pelé...

4 Comments
Quem se lembra dessa frase?
Pois bem, deixem que eu me explique.
Hoje começou o youPIX Festival 2011, aqui em São Paulo.
Eu estava super ansiosa pelo evento que prometia ser uma forma bacana de trocar conhecimentos sobre as mídias e participar de debates com temas voltados à cultura, comportamento, negócios e comunicação. Me credenciei pelo portal, selecionei meus favoritos da programação e aguardei pacientemente pelo evento. 
Fui surpreendida. 
E vou detalhar os motivos. 
Cheguei na Bienal acompanhada de um amigo que não havia feito o cadastro. 
A fila era a mesma para ambos. Ok.
Ao chegar no balcão, peguei meu crachá e retirei o tal do #vivopass que, tinha o intuito de facilitar a interação com as redes sociais enquanto o seu portador estivesse no evento. Já o amigo que me acompanhava, por não ter se cadastrado antes, só poderia ter acesso ao #vivopass enfrentando mais uma fila, mais um cadastro. Desistimos e resolvemos seguir para dentro do Porão das Artes afim de matar nossa curiosidade.
Entramos; e eu suspirei. 
Não, não foi de emoção. 
O cenário não era nada agradável. 
Em um espaço muito mal utilizado, mochilas espalhadas, comida sujando o chão e pessoas com feições não muito empolgadas, estavam distribuídos os stands de apoiadores e patrocinadores. 
O que eles ofereciam?
Estou até agora tentando descobrir. 
Um dos melhores exemplos que posso citar, é o stand de uma rádio. Nele, alguns promotores desatentos conversavam e um casal jogava boliche no wii, bem compenetrados. 
Paramos ali e ficamos olhando o 'stand' por algum tempo. 
Haviam pilhas de revistas [de música], sacolas e adesivos em um dos cantos. 
Kits para distribuição, só que desmontados. Faziam mais de 3 horas que o evento havia começado, oficialmente! E nada ali parecia estar pronto!
Uma das meninas, segurava 3 desses kits enquanto conversava.
E como ninguém e nem nada veio nos explicar, entreter ou coisa do gênero....
Passamos ao próximo stand.
E quanto mais andávamos por aquele espaço, mais eu compreendia quão tosca era a cena que eu presenciava. Vários jovens, entretidos com seus notebooks, macbooks, iPhones, blackberries e afins, nem sequer se olhavam. Espera aí!!!
Não sou nenhuma expert. Sou apenas uma usuária curiosa, ávida por mais conhecimento. 
Mas, pelo que eu saiba, a tal da web 2.0 não prega a participação, colaboração, o dinamismo?
Eu fiquei lembrando das minhas aulas... 
Será mesmo que entendi tudo errado?
Ou será que só fui perceber ali, quanto as pessoas estão fechadas, individualistas e distantes da comunicação ao vivo e em cores?
Estremeci. Olhei para o lado. 
Meu amigo estava com uma feição que me confortou. 
Eu não era a única incomodada com aquela situação.
Resolvemos então ir até o auditório onde as palestras aconteciam. 
Mais uma decepção.
Lá, outros tantos jovens, sentados. E com seus notes e celulares ligados. 
Poucos prestavam atenção ao que era discutido. 
E o que era discutido não passava de achismos sem sentido. 
Tive vontade de gritar: como assim???
Como assim eu venho em busca de conhecimento e encontro isso?
Será que eu idealizei demais o evento?
Ou será que a organização falhou terrivelmente neste primeiro dia?
Pode ser que um pouco dos dois. 
Mas, fato é que eu não aguentei mais de 20 minutos naquela sala, onde uma pessoa falava besteiras no microfone para uma plateia desinteressada e distante. 
Só o que posso dizer é que eu espero que amanhã, essa minha péssima impressão mude. 
Ou não farei a mínima questão de ir ao encerramento. 

E só pra terminar de desabafar: enquanto eu escrevia este post, meu foursquare atualizou sozinho dizendo que eu estava no evento. Oi? Como assim, produção?
Estou em casa, curtindo um chocolate quente e me preparando pra cair de cabeça no TCC e o #vivopass insiste em dizer aos meus seguidores no twitter e aos amigos do foursquare que eu estou no evento.
Da série, bugs que me irritam! 
Compreendem agora o motivo do título deste post?
Hoje, eu preferia ter ido ver o Pelé com você, Chaves! 




Leia também

4 comentários:

  1. Desculpa, mas a única coisa que consigo pensar é que fiquei feliz por não me interessar em ir ao evento quando me falou dele xD

    De qualquer modo, Pelé eu não sei, mas você ainda pode ir no Museu do Futebol =D
    A entrada é gratuita de quinta-feira ;)

    ResponderExcluir
  2. kkkk...que porcaria!
    Nossa é mesmo horrível irmos num lugar com a intenção de ver algo e não acontece nada do que esperavamos..um saco!
    Coitada de vc Camilla, perdeu seu tempo! =/

    Bjuuus e boa sorte com o filme do Pelé...kkkk

    ResponderExcluir
  3. Posso ser sincero? 98% dos eventos de social media são assim. Mesmo público, mesmos temas e até os mesmos ppt.

    ResponderExcluir
  4. ptz que m*&*&
    ai da raiva hein////
    mas eu ri com esse negocio do pele
    kkkkkkkk
    nunca tinha visto isso
    rs
    mil beijinhos
    kammy

    ResponderExcluir