I won't dance, don't ask me...

Quarta-feira, 21 de novembro de 2012
Voltar de um feriado prolongado nunca é a coisa mais fácil. Quando o feriado tem 6 dias e parece um mini período de férias então... é mais deprê ainda! Então, escolhi estreiar uma calça que há muito estava perdida no meu nada organizado armário. Pra completar uma regata branca básica, sapatilha bicolor (nude e preto) e um bolerinho pra dar uma quebrada no ar condicionado da agência. :)

Regata, Hering; Calça, Barred's; Bolero, Acervo
Sapatilha, Satinato
Fotos: Guilherme Marques

I won't dance, madam with you!

Faltam 20 dias. E de agora em diante, a contagem regressiva voa!
Decidi começar minha tag nova hoje exatamente porque já comecei os preparativos para a viagem. E como eu busquei várias vezes na web pessoas ou sites que sanassem algumas dúvidas e achei pouco material sobre o assunto, decidi que era mais um motivo pra escrever sobre ele. Preparados pra me acompanhar em uma deliciosa viagem de cruzeiro? :)
...
Como sou ansiosa, comecei a pensar no que ia levar e em que mala levaria (tamanho) logo no primeiro momento em que cogitamos a ideia de fazer um cruzeiro de fim de ano. Ter esse tempo pra pensar (entre decisão e viagem), me ajudou bastante. Pois de tanto pensar na mala, acho que vou conseguir montar uma mala prática (e que caiba na cabine), ao invés de sair que nem louca com 15 malas, uma frasqueira e o gato debaixo do braço. O que possivelmente aconteceria em uma viagem sem tempo de pensar: fato!!! [risos]
Mas, o que raios eu preciso levar para um navio de verão além de biquínis e saídas de piscina, ó céus???
Fotos: Google Imagens

Conversando com o namorado, o agente de viagens, alguns amigos e também pesquisando na web descobri alguns pontos que devem ser levados super em conta na hora de fazer as malas:
  • No navio o ar condicionado bomba. Principalmente nos salões de jantar e teatros. Pensando nisso e, levando em conta o vento em alto mar, considere um agasalho.
  • Todas as noites você terá opções de festas, baladinhas e teatros pra ir. Vale conferir a programação específica da sua viagem pra poder preparar um look bacana pra essa ocasião.
  • Geralmente, na primeira noite de viagem, acontece a tão falada "Festa do Capitão". É uma festa logo após o jantar onde os convidados são apresentados ao capitão e à tripulação do navio e exige roupas formais de homens e mulheres. Separe um espaço pra um vestido longo na mala. ;)
  • Caso não consiga a programação de festas com antecedência, prepare-se para no mínimo uma festa temática. As mais comuns costumam ser "anos 70" e "festa do branco".
  • Reserve espaço na mala para uma necessaire de remédios: dramin, eno, engov, epocler, aspirina.. Melhor tê-los em mãos, caso não se sinta bem, do que perder um dia de diversão!
  • Geralmente os navios contam com secadores de cabelo para as cabines. Mas, não divulgam isso pra que os hóspedes usem e abusem do salão de cabeleireiro do navio, que é pago. Porém, se for levar o seu, certifique-se da voltagem para não ocupar um espaço a toa na mala. 
  • Ah! É proibido passar roupas nas cabines por conta do risco de incêndio. Se precisar de fato passar algo, entregue ao camareiro e pague o serviço. ;)
E depois de levantar todos esses pontos, as minhas dicas de quem está organizando o que vai na mala daqui 20 dias, de fato, são bem simples:
  • Leve peças coringa, que podem ser usadas de várias formas. 
  • Dê preferência para tecidos que não amassam. Assim não precisará se preocupar com mandar para passar antes de usar e coisa e tal. 
  • Leve um chinelo, uma rasteirinha e um sapato mais formal. Sapatos geralmente tomam um super espaço na mala e, falo como boa viciada neles: sei como é difícil não levar um pra cada dia! =P
Daí é só fechar a mala e ficar de olho na contagem regressiva...! 
Faltam 20 dias! \o/
Chegou nesta terça-feira (27) às lojas Riachuelo de todo Brasil mais uma coleção especial de grife para fast fashion: a coleção Daslu para Riachuelo. Ao todo, são 104 peças desenvolvidas para a ocasião e separadas para o público feminino, masculino e infantil. O que marca? Os tons vibrantes e os tecidos fluidos. 
Trago aqui meus modelos favoritos mas, vocês podem acessar a coleção completa no catálogo online da Riachuelo. ;)

Camisa branca, R$ 89,90 | Saia, R$ 179,90
Camisa estampada, R$ 99,90
Vestido estampado laranja, R$ 139,90
Vestido estampado verde, R$ 169,90
Blusa verde estampada, R$ 99,90 | Saia de renda branca, R$ 99,90
Vestido, R$ 109,90
Fotos: Reprodução/Catálogo

O que vocês acharam? 
Alguém já foi na loja conferir de perto a coleção? :)
Quem me segue nas redes ou é mais atento à detalhes dos posts deve ter notado que há duas ou três semanas eu comentei de ter roído as unhas, de verdade. Num nível de não conseguir olhar pra elas. Então, fui até a minha já amada Sumirê numa manhã de sábado pra dar um jeito nisso. Ia comprar minhas já habituais (eu roí unhas durante toda infância/adolescência) unhas postiças com colinha e fáceis de pintar. Já conhecia o ritual e estava disposta a passar o sábado cuidando disso. Pois bem! Não encontrei minha marca de sempre e apavorei, lógico. Foi quando um vidrinho peculiar me chamou a atenção. 

Unhas Autocolantes Impress - tamanho médio e formato quadradinho
Devo ter demorado uns 40 minutos analisando o vidrinho da Impress by First Kiss e todas as suas possibilidades antes de criar coragem de levá-lo. Mas por fim, levei. Cheguei em casa e a aplicação foi tão rápida e satisfatória que eu fiquei de olhos brilhando e já queria voltar loucamente na loja pra comprar mais uns vidrinhos de outros estilos. #consumismo
No fim, consegui conter meu instinto consumista e fiquei com a francesinha. Afinal, a ideia é apenas deixar minhas unhas crescerem novamente, oras. ;)
1º momento: apenas limpei as unhas naturais e colei as novas
O que deixou o processo um pouco mais lento foi o tamanho das unhas. Elas ficaram gigantescas e eu tive que cortá-las e lixar tudo direitinho. Mas o resultado me encantou:
2º momento: já cortadas e lixadas, me lembraram as unhas de gel que foram moda uns tempos atrás. 
Fotos: diretamente do iPod da Mademoiselle Paris
Desculpem a qualidade gente mas, a ideia do post só veio depois das unhas feitas! :P

Só um porém: não sei se na aplicação fiz algo errado ou se fui premiada mas, 3 unhas descolaram logo no primeiro dia de uso. Recorri à colinha profissional e amiga e tudo acabou bem. Mas, acho que a marca só não me ganhou de vez por conta disso. :/ Mas, no geral eu curti. Ela durou exatamente uma semana antes de começar a soltar farpinhas e rachar nas pontas. Na Sumirê eu paguei R$ 19,90 nesse vidrinho. Vem com 24 unhas autocolantes. Existem vários modelos de pintura, formato e tamanho das unhas, o que é ótimo pra quem curte dar uma mudada de vez em quando, por exemplo. 

O que acharam? Alguma de vocês já experimentou ou tem alguma outra indicação?
We've only just begun
Hypnotised by drums
Until forever comes
You'll find us chasing the sun
They said this day wouldn't come
We refused to run
We've only just begun
You'll find us chasing the sun

Como no último post de look algumas de vocês falaram de músicas que não saem da cabeça, e eu tô com essa música grudada de um jeito insano, resolvi que ela seria uma boa trilha pro look que eu trouxe hoje pra mostrar aqui. :)
...
Sexta, 23 de novembro de 2012
A previsão do tempo dizia que faria um super sol. Como confiei nela a semana toda, e a semana toda eu me ferrei, resolvi acreditar no céu da minha janela que estava super cinza e fechado no amanhecer de sexta. Guardei novamente no armário o vestido que havia escolhido no dia anterior e meio sem saco pro cinza, escolhi uma legging pra reger o visual de sexta. Pois afinal sexta-feira é dia mundial do conforto na vida minha gente! Então combinei com uma camiseta mais grossinha da Hering (que tem esses bolsinhos que eu adoro) e com essa sapatilha bicolor que é o conforto em forma de calçado. Achei que tava muito sem graça e finalizei com um coletinho de paetês.

Na hora de tirar as fotos, o sol de São Paulo era coisa linda de meu Deus. E eu apenas agradeci por ter tostado uns poucos minutos e ter voltado ao ar condicionado da agência. Cadê mesmo a primavera e seu tempo ameno?

Legging, comprei na feirinha do Shopping Center 3 faz um super tempo. Não tem etiqueta!
Camiseta, Hering; Colete de paetês, Marisa
Anel, lojinha sem nome na Avenida Angélica (pertinho do Parque Buenos Aires).
Sapatilha, SpotShoes
Fotos: Guilherme Marques

I'm better
So much better now
I see the light, touch the light
We're together now!


Mais uma vez a maluca por desenhos Disney aqui vem trazer ilustrações feitas com as princesas dos contos de fada. ;) Dessa vez eu vi sobre a artista no blog da Lia (mais conhecido como Just Lia :P) e fui fuçar o Google pra achar mais coisinhas sobre ela. A artista húngara Tiffany desenha as princesas das mais variadas formas. Dessa vez, ela se inspirou nos figurinos de tapete vermelho e fez maravilhas.


Minha preferida é a Bella. E a sua? :)
E mais um clássico chega aos palcos paulistas: Hamlet, de William Shakespeare. 
E montar Shakespeare é sempre um desafio gigante, pra qualquer companhia. Afinal, quantas já não foram as montagens boas, medianas e ruins feitas de suas obras? 
Mas, como boa apaixonada dessa arte que pulsa, lá fui eu conferir mais essa. Pensei:
Thiago já ganhou pontos comigo quando fez Calígula. Bóra lá ver o moço interpretar o maluquinho do Hamlet. <3
E lá fomos nós ao Teatro Tuca, localizado no prédio da PUC aqui de SP. Sessão lotadíssima de sábado à noite. Apagam-se as luzes. E eu, que não tinha tido tempo de folhear o programa pra ver mais sobre o elenco, começo a reconhecer rostos entre o coro que se apresenta pra começar a narrativa. E estou assim, distraída olhando os amigos em cena, quando Hamlet entra e rouba a cena. A atenção. O foco de luz. 

Antonio Petrin vive o fantasma do velho rei da Dinamarca, pai de Hamlet
Selma Egrei dá vida à sensual Gertrudes, rainha da Dinamarca e mãe de Hamlet
Anna Guilhermina vive Ofélia, filha de Polônio e amor de Hamlet
Na volta do intervalo, um Hamlet já em cena, aguarda no palco
Thiago Lacerda - Hamlet
Fotos: Google Imagens

A peça traz aos palcos a história de um príncipe dinamarquês atormentado pelo fantasma de seu pai e que anseia por vingar sua morte. Thiago mais uma vez supera minhas expectativas. O ator que acho monotom na TV, me traz arrepios nas emoções fluídas de suas peças. Devia ficar mais nos palcos, esse menino. :)
Dos amigos eu sou suspeita pra falar mas, digo que o elenco como um todo traz um espetáculo digno de levantar e aplaudir no final. Não por isso ser costume e todos o fazerem mas, porque dá vontade mesmo. ;)

Serviço
Hamlet
Onde: Teatro TUCA - Rua Monte Alegre, 1024 - Perdizes
Quanto: R$40 a R$ 60
Quando: sextas e sábados às 21h; domingos às 19h (até 16/12)
You are beautiful like a dream come alive, incredible
A centerfold miracle, lyrical
You saved my life again...!

Hoje o dia amanheceu ensolarado. E eu, de bom humor com a lembrança do fim de semana que se aproxima. Mas, apesar disso, a enxaqueca atacava e eu simplesmente não conseguia ficar muito olhando pro armário. Acordar com dor de cabeça parece que faz o dia parecer ainda mais longo, ou é só impressão minha? Enfim...
Por conta dela (a enxaqueca), fui no look básico: pretinho delícia da Forum! <3
Nos pés: mais uma sapatilha linda da coleção Santa Lolla para C&A. Gamei nessas mini-caveiras!

Vestido, Forum; Regata, Acervo; Cardigan, Renner; Sapatilha, Santa Lolla para C&A

Fotos: Guilherme Marques

And I keap hittin' repeat...!

Babado e confusão! 
Ao chegar ontem a noite na C&A do Shopping Iguatemi me deparei com uma cena muito peculiar: mulheres coladas em uma fita de isolamento, aguardavam o toque de atacar para conhecer as novas peças da Mixed para C&A que chega hoje às lojas. Ao romper da fita... 

Foto: Instagram/Mademoiselle Paris

A mulherada atacou GERAL! Nunca vi uma balbúrdia dessa proporção em um evento da loja mas, creio que ela tem seu lado positivo: o de mostrar que a coleção é um sucesso e que as consumidoras enlouqueceram com as peças (muitas acabaram em segundos!).
Como a muvuca era geral e eu estava explodindo de dor de cabeça, as poucas fotos que tirei já subi ontem mesmo lá no instagram (segue lá suas lindas ~> @mademoiselleparis). Maaaaas, não poderia deixar de vir aqui mostrar pra vocês minhas peças favoritas dessa belezinha de coleção! :)
A coleção chega hoje (22) às lojas. Dá pra conferir a lista de lojas que serão contempladas com as peças aqui, no blog da marca: http://bit.ly/MP_MixedNaCeA

Vestido Preto de Laço
Terninho Branco R$ 149
Vestido de estrela R$ 89,90
Vestido de seda
Vestido Floral R$ 99,90
Macacão Floral 
Vestido de paetês e canutilhos R$ 99,90
(o branco ganhou meu coração e eu não consegui comprar. Tô deprimida!)
Jaqueta de renda R$ 149
Bermuda de couro ecológico R$ 89,90
Gargantilha de serpente R$ 35,90
Pulseira de cobras R$ 45,90
Bracelete de aranha R$ 35,90
Cinto de abelhas R$ 39,90
Maxi colar R$ 35,90
Spadrille R$ 99,90
Rasteirinhas de spikes R$ 89,90
Scarpins R$ 99,90
Fotos: Divulgação

E aí, meninas? O que vocês mais gostaram? 
Me contem aqui que eu quero saber! :)
Só de me encontrar no seu olhar
Já muda tudo...

Já cansei desse tempo maluco! :( 
Cadê primavera, minha gente? ...
Ontem foi meu último dia de feriado e pra começar à voltar ao normal do meu dia-a-dia, fotografei o visú!
Coisa simples e preguiçosa para ir ao cinema, almoçar com o namorado e emendar numa última saída noturna. A saia de cetim que já anda sozinha é arte de mamis, a camisa mostarda é um xodó que uso nesses dias em que o tempo é uma completa incógnita e a sapatilha de spikes é meu mais novo amor. Aliás, pra quem me perguntou no instagram (segue lá tambéééém o/ @mademoiselleparis) se a sapatilha de spikes era confortável para bater perna por aí eu afirmo: experimentei com e sem meia-calça e ela é uma delícia de ambos os jeitos. Dá pra andar bem viu?! E pra enfrentar o ventinho gelado da noite, levei a jaqueta de couro que ganhei de presente do amor no último inverno! :)

Camisa, Acervo; Saia, Arte de Mamis; Sapatilha, Santa Lolla para C&A
Colar e Anel, Feirinha da Liberdade; Jaqueta (e sorriso), presente do namorado :)
Fotos: Mademoiselle Paris

Depois da onda pesada
A onda zen....!


Parece que o corpo, a alma.. o espírito.. fica de prontidão.
Basta surgir a primeira luzinha no caminho escuro para casa pra reviver em mim aquela vontade de tomar um chocolate quente ouvindo Frank Sinatra e pensando nos caminhos que desejo seguir no próximo ano.
Sempre gostei da decoração de natal que minha mãe e meu pai faziam em casa quando eu era criança. Luzes ao redor do telhado, no jardim junto aos bonecos de neve brilhantes... uma árvore grande, com grandes bolas vermelhas e estrela dourada na ponta. Uma guirlanda enorme na porta de entrada. Flor de laranjeira no quintal. Um Papai Noel de gesso enorme, lindo e sorridente na estante da sala que saudava quem ali chegava. 
...
O tempo passou e as crianças (eu, meus sobrinhos e amigos) cresceram. E hoje, sem crianças o Natal tem sido sem muitos detalhes mágicos. Mas, magia, sonhos e bons sentimentos tem idade? Acho que não. 
Então, em busca de inspiração para minha decoração de Natal desse ano, encontrei algumas boas ideias que queria dividir com vocês. Afinal o Natal é só uma vez no ano e pode começar a espalhar doçura nos corações desde os planos da tão esperada noite feliz. :)

Para embalar as fotos, aperta o play aqui nessa listinha que eu adoro ouvir nessa época e... 
... enjoy!

Fotos: WeHeartIt
Fato. Sempre que vou me arrumar pra sair sozinha pra qualquer que seja o evento, eu paro e penso no mínimo duas vezes:
Não tô chamando muito a atenção com essa roupa? Será que não é melhor trocar por algo mais simples pra não virar alvo de trombadinhas e assaltantes?
Foto: WeHeartIt

Não sei bem como funciona com vocês que lêem aqui o blog mas, eu morro de medo na hora de me vestir. Sabe aquele lance: "não é rica mas, bem vestida chama a atenção tanto quanto"? Pois é. Várias vezes diminuo o número de colares, guardo anéis na bolsa e pego leve na make só pra não chamar muita atenção na rua. E tenho notado que isso veio pras roupas também. Evito saltos a noite, pois correr com eles é inviável e perigoso. Sempre evito brilhos e apetrechos se vou voltar sozinha e tarde pra  casa. Sempre carrego um par de Havaianas na bolsa pra andar mais rápido no fim do dia. Sou maluca? 
Bom, não sei vocês mas eu ando assustada com o status crescente da violência em São Paulo e reparei que isso afetou muito minha vida. Não, ninguém do meu círculo de convivência foi diretamente afetado por essa violência mas, mudou nossa rotina. Saio em horários malucos pra ter companhia para os lugares que eu for, combino caronas e se vejo que ficou muito tarde, nem me atrevo a voltar pra casa e correr risco de andar sozinha no escuro até meu portão. 

Acho que no fim, vale uma pequena reflexão: estou deixando meninices e coisas que eu gosto do meu dia-a-dia por conta da violência. Quantos de vocês já fizeram o mesmo também? 

Medo não combina com moda. Medo não combina com nada. :(