SPFW Inverno 2014 #2

4 Comments
O segundo dia de desfiles começou cedo, cinza e super frio. E olha que geralmente a gente vai toda trabalhada no look verão, para conferir as tendências de inverno! O mundo anda mesmo muito louco... 


Só pela locação do desfile, já se podia esperar um espetáculo: Alexandre Herchcovitch levou convidados, equipe e modelos para o Theatro Municipal na manhã desta terça-feira. E aí foi só grandezas e delícias por todos os lados. Celso Kamura cuidou da beleza das meninas e a trilha sonora ficou por conta do Quarteto de Cordas do Municipal. A cor mais viva em sua paleta escolhida era o magenta, que deu um toque de alegria às peças em preto, cinza e off white. Mas o estilista não escolheu a ala mais glamurosa do teatro para sua apresentação. O lugar escolhido foi a cúpula, onde acontecem os ensaios e que comporta apenas 150 pessoas por vez. Por conta disso, foram feitas duas apresentações. O detalhe mais lindo dentre os 35 looks apresentados ficou por conta dos vestidos: super femininos e rendados. A renda é uma parceria com Martha Medeiros. E essa doçura toda divide o espaço com um sexy vestido de couro preto que deixa claro que ali tem opção pra vários gostos. E que duram vários invernos. ; )


A passarela da Acquastudio trouxe de volta o brilho e o glamour das divas dos anos 40, com uma proposta absurdamente feminina e delicada para a próxima temporada de inverno. Highlight para cinturas bem marcadas e saias rodadíssimas na altura da canela, uma eterna referência pós-guerra de Dior e seu "New Look". 


Ainda na vibe dos anos 40, Fernanda Yamamoto também decidiu trabalhar mais esse lado feminino de época com saias e vestidos na altura das canelas. Uma parceria que se destaca nesta edição é a que fez com o pintor de aquarelas André Maciel, que desenvolveu uma estampa floral que foi impressa digitalmente no tecido. Cores? Vibrantes!


A inspiração de Vitorino foi a natureza e seu elo com a vida e a fotografia. E só ele mesmo para poder entender como foi a tradução disso em roupas. O que interessa é que o desfile foi leve e emocionante. Com peças clássicas como camisas brancas e sexys com transparências. Muito longe do vulgar, ele pausa em algum lugar clarinho do romance e fica por lá. Adorei! 


Eu sempre piro nas coleções da Juliana. Acho um poço de sensualidade e feminilidade. Romântica na medida exata. Sexy, sem vulgar! [risos] Saias e tecidos fluidos ganham espaço até no inverno da estilista que encanta em cada detalhe. Ai gente, sou suspeita demais! Me contem aqui nos comentários se vocês também caíram de amores por ela, por favor! : )

Fotos: Ag. Fotosite


Leia também

4 comentários:

  1. Adorei todas as propostas, sobretudo as da Juliana. Como disseste é romântica e feminina na medida exacta.:D

    www.letirose.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Catarine! Concordo com você! :)

      Beijinhos!

      Excluir
  2. Respostas
    1. Sou suspeita! hehehehe Também gostei muito! <3

      Beijinhos, Gabi!

      Excluir