#MPnoSPFW | Alexandre Herchcovitch e o Inverno 2016

0 Comments

E foi dada a largada em mais uma loucura semana de moda! o/
Sou só eu ou o ano passou voando e eu ainda acho que foi ontem que falávamos aqui, juntinhos, em março/abril? Gente, tá tudo muito acelerado, socorro! 
Enquanto os gringos se preparam para o próximo verão, nós aqui vemos as criações brazucas para o inverno. E nada melhor para inaugurar a semana de moda do Herchcovitch, na minha opinião. Porque ele sempre chega chegando, mostrando que a semana vai ser agitada e cheia de inspirações e insights! Confere aqui comigo o que rolou ontem, no desfile desse fera! ;) 


O desfile começou inocente e tranquilo, como uma canção de ninar. Nas modelos, camisolas com um toque antigo de tricoline me remeteu aos contos do Maquês de Sade e só de pensar nisso, estremeci. Logo, meu estremecer se concretizou e veio uma pequena mudança de ares... 


Com fitas como detalhe das camisolas, começamos a nos remeter ao bondage e assim, ao fetiche. 


Em casa peça podia-se ir notando um contraste sutil entre opostos: agressivo e suave, perigoso e inocente... 


Até que a escuridão (no sentido figurado) tomou conta de vez da passarela improvisada. 


E começamos a ver o peso dos tecidos, contrastar com a leveza das modelos. A beleza do desfile, assinada por Celso Kamura e Robert Estevão, conversa super bem com esse universo bipolar. 


Uma curiosidade MARA sobre a coleção? Foi quase toda produzida por DUAS costureiras! Feito à mão! Apenas essas profissionais tinham expertise para aplicar as fitas do modo pensado.


Os óculos desfilados foram parceria da marca com a Chilli Beans e também pensados para compôr o lado sombrio em contraponto à leveza de alguns figurinos. 


As meias, coisa que eu amo de paixão, foram usadas de diferentes modos na composição. Todas da Trifil. :) 


Gosto de como Alexandre brinca com o peso e os recortes das peças, deixando tudo sempre meio em equilíbrio mesmo na desordem. 


Dá para tirar muita inspiração de "streetwear" desse desfile né? Gosto quando é assim! Já saí pensando inúmeras combinações novas, com coisas que eu já tinha ou posso adaptar. 


Mas óbvio, sempre bom prestigiar e ter algo pensado e feito para você. Como é pode ser se você procurar o estilista. 


Gamei nesse primeiro look da esquerda. Quero tudo, da cabeça aos pés!


Os sapatos desse desfile são parceria com a Arezzo. 


Minha Nossa Senhora dos casacos geométricos me acuda! Quero todos! 


Apesar de não ser muito fã de vestido mídi, esse primeiro da esquerda eu fiquei querendo ver no corpo para ver qual é a dele em pessoas como eu, com curvas..... :P

Fotos: Zé Takahashi / Agência Fotosite

- Vem que vem que vem com tudo! 


Leia também

Nenhum comentário: