De Paris, com amor

2 Comments
Minha conexão com Paris é algo que com certeza vem de outras (várias) vidas.


Eu sabia, ou melhor, eu sentia isso antes mesmo de vir pra cá da primeira vez.
Impossível descrever o sentimento que se apossou de mim quando cheguei à cidade em uma ensolarada manhã de outono.


Me senti novamente a menina, que estava chegando na cidade grande.


A cada passo que eu dava pelas ruas, reconhecia um lar.

A cidade me acalentava independentemente do vento gelado que vinha me envolver.

Paris me abriu os braços quando os céus anunciavam tempestade.

E logo depois me presenteou com um lindo pôr-do-sol.

Um não, vários!

Meu refúgio, meu cantinho no mundo, onde o coração sorri e a alma fica em paz: meu lar.

Eu te agradeço Paris por me aceitar como eu sou - e incentivar meus caminhos.

Obrigada por ser o porto seguro que sempre sonhei e por abrir para mim as portas do mundo.

Sempre teremos uma à outra.

Com amor....

                                                                                                                                                                     [Fotos: Filipe Xavier]    

...
Se quiser ouvir essa carta, dá o play:


*não esqueçam de pedir seu chip da #EasySim4U para já chegar em Paris super conectados! :)
https://www.easysim4u.com


Leia também

2 comentários:

  1. Fico babando nas fotos!!
    Tão bom achar seu lugar no mundo né?!

    Bjoooos
    muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir